Seminário Regular

husband-caring-for-wife

A “arte” de cuidar

Um cuidador é alguém, geralmente não remunerado que se preocupa com um amigo ou membro da família que devido a uma doença, uma deficiência, um problema de saúde mental ou um vício, não pode fazer a sua vida normal sem o seu apoio.

Qualquer um pode ser um cuidador – uma menina de 15 anos que cuida do pai com problemas de álcool, um homem que cuida do seu parceiro com cancro em fase terminal, ou uma mulher com 70, ou mais anos, que cuida do marido que teve um AVC, que tem a doença de Parkinson, Alzheimer, ou outra.

Como o cuidado afeta a sua vida?

Embora para muitos cuidadores, o cuidado possa ter aspetos positivos e recompensadores, existem muitas razões pelas quais o cuidado também o pode deixar necessitado de apoio.

  • Cuidar pode levar à pobreza.
  • Os que cuidam da pobreza não terão condições de fazer as coisas que muitos de nós tomamos como garantidos, como comprar roupa nova ou quente, aquecer a casa, consertar a casa, ir de férias ou fazer uma curta pausa para descansar uns dias.
  • Tornando-se um cuidador, pode começar a sentir muitas dificuldades a encontrar ajuda, benefícios ou outras ajudas financeiras.

Saúde e bem-estar

  • Cuidar pode deixá-lo fisicamente exausto – você pode ter de se levantar várias vezes durante a noite, bem como andar muito preocupado ao longo do dia.
  • Cuidar pode deixá-lo emocionalmente exausto por causa da tensão de ver alguém que você ama sentir dor, mal-estar, angústia ou desconforto.
  • Cuidar pode levá-lo ao stresse, à depressão ou outros problemas de saúde mental .
  • Cuidar pode afetar o seu relacionamento com seu parceiro ou com outros membros da família.

Por isso, a nossa intenção é a de pensarmos a importância dos aspetos e das emoções na “arte” de cuidar, de darmos voz e partilharmos os desafios de quem cuida e e, sobretudo, capacitar os diferentes intervenientes na prestação dos cuidados às pessoas dependentes.

E esta tarefa é tão importante para esta Associação que estabelecemos o princípio de, regularmente, organizarmos espaços e convidarmos especialistas e técnicos de saúde que o ajudem a minimizar as suas preocupações e anseios, através do debate, do apoio técnico e humano.

Nesses espaços, os Seminários*, encontrará muito apoio e ajuda!

Esta é a nossa grande MISSÃO!!!

_________________________________________________________________________

Seminário, do latim seminarĭus, é uma aula ou um encontro didático em que um especialista interage com os seus ouvintes em trabalhos em comum para divulgar conhecimentos ou desenvolver investigações sobre determinados assuntos.

O seminário é uma reunião especializada, de natureza técnica ou académica, que procura levar a cabo estudos aprofundados sobre uma determinada matéria.

extraído de: https://conceito.de/seminario

No ano de 2018, a AFPA organizou, no dia 5 de novembro:

» o 2.º Seminário do “Dia do Cuidador”;

» a 2.ª Mostra de Produtos e Serviços;

» o Protocolo colaborativo com  o Hospital de Ovar, a Liga de Amigos do HFZ-Ovar e a Junta de freguesia de Esmoriz.

Este ano 2019, a AFPA organizou:

» o 3.º Seminário do “Dia do Cuidador”;

» o 4.º Seminário do “Dia do Cuidador”;

» uma Parceria de Colaboração com o Centro de Dia da Fundação Pe. Pereira Pinho & Irmã, de Válega .