Cuidados paliativos em domicílio

20181105_144843
Fisioterapeuta Conceição Graça

A fisioterapeuta Maria da Conceição Graça, Diretora da AFPA, abriu esta 2.ª edição do Seminário do Dia do Cuidador, cumprimentando todos os presentes e sensibilizando para a necessidade, cada vez maior, em identificar e reconhecer o papel dos cuidadores informais e formar a sociedade civil para a aprendizagem de técnicas e processos de apoio a esta realidade.

Dra. Graça Carrapatoso

De seguida, a Dra. Graça Carrapatoso, responsável pelo primeiro painel do Seminário, abordou o tema “Cuidados paliativos em domicílio”, sendo que quem presta cuidados pode sofrer de “burnout”, i.e., tem sobrecargas enormes pessoais, físicas, morais, psicológicas, financeiras, e, portanto, é necessário perceber as verdadeiras necessidades. Relembrou também que o sistema de saúde tem de encontrar forma de dar aos cuidadores mais apoio e formação, isto é, reconhecer o valor de quem cuida, as necessidades de quem cuida, encontrar formas do Estado e da sociedade reconhecerem esse valor, mas sem se esquecerem de reconhecer o valor de quem é cuidado, que tem o direito de manter a sua dignidade, a sua vontade e, até mesmo a liberdade de poder morrer em sua casa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.